Saiba mais sobre o Hamas

Eleito em 2006 nas eleições legislativas em Gaza e na Cisjordânia com grande vantagem, o Movimento de Resistência Islâmica (cujo acrônimo em árabe é Hamas) provocou um verdadeiro cataclismo político quando se elegeu em sua primeira primeira participação nas urnas, pondo fim ao monopólio do Fatah, do presidente Mahmoud Abbas, desde a criação da Autoridade Palestina, em 1994.

Redação |

O Hamas assumiu a chefia do gabinete da Autoridade Nacional Palestina (ANP), mas a Presidência continuou nas mãos de Abbas. O gabinete dirigido pelo Hamas foi boicotado por Israel e as potências ocidentais. Abbas se recusou a ceder ao partido oposto as forças de segurança e iniciou-se uma crise política entre os dois partidos que culminou com a expulsão do Fatah de Gaza.

Por não reconhecer Israel como um Estado e ser contrário aos acordos firmados entre israelenses e lideranças do Fatah, o Hamas tornou-se um problema para Israel.

Leia mais sobre o Hamas

    Leia tudo sobre: hamas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG