Sadr anuncia grande participação em votação extra-oficial no Iraque

Bagdá, 2 abr (EFE).- O bloco al-Sadr anunciou que um grande número de eleitores participaram hoje do primeiro dia da votação extra-oficial organizada para escolher um primeiro-ministro entre cinco candidatos do pleito do dia 7 de março no Iraque.

EFE |

"Os centros de votação em Bagdá e outras províncias do Iraque foram palco de uma grande presença de pessoas para escolher um primeiro-ministro", destacou um dirigente da corrente al-Sadr, Hakem al-Zameli, em entrevista à TV estatal "Al Iraqiya".

Zameli assinalou que as cédulas de votação chegaram a se esgotar em vários dos centros habilitados para a consulta popular em diversas cidades do país.

O dirigente ressaltou que a participação não envolveu apenas os seguidores de seu grupo, leal ao clérigo radical xiita Moqtada al-Sadr, mas também milhares de pessoas pertencentes a diferentes grupos e setores, e não descartou que aumente amanhã a afluência de eleitores.

No último dia 30, o bloco al-Sadr solicitou à Comissão Eleitoral um "referendo" para escolher entre o atual primeiro-ministro Nouri al-Maliki, o ex-chefe de Governo Ayad Allawi, os dirigentes da Aliança Nacional Iraquiana (ANI), Ibrahim al-Jaafari e Adel Abdel Mahdi, e o membro do "Estado de Direito" Jaafar Mohammed Sadr.

O grupo, que concorreu ao pleito integrado à ANI, organizou esta iniciativa porque considera que os partidos que se apresentaram às eleições foram incapazes de escolher um primeiro-ministro, mas disse que o resultado da votação extra-oficial não será vinculativo para outros partidos. EFE ah/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG