Moscou/Tbilisi, 22 ago (EFE).- A Rússia necessitará de dez dias para retirar suas tropas da separatista região georgiana da Ossétia do Sul, afirmou hoje Vladimir Boldirev, chefe do Estado-Maior do Exército.

"Estamos apenas no terceiro dia de retirada", disse o general, citado pelas agências russas.

O ministro de Exteriores russo, Serguei Lavrov, assegurou na véspera que apenas 500 soldados de paz russos permaneceriam na Ossétia do Sul, onde se habilitarão oito postos militares.

"As outras unidades militares enviadas como reforços serão retiradas" para seus quartéis em território russo, disse. EFE io-mv/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.