Rússia testa foguete balístico capaz de superar defesa antimísseis

Moscou, 28 ago (EFE).- As Forças Armadas da Rússia informaram hoje que realizaram com sucesso um teste com um foguete balístico intercontinental RS-12M Topol, capaz de superar qualquer sistema de defesa antimísseis.

EFE |

O míssil foi lançado a partir da base de Plesetsk, no noroeste da Rússia, e 25 minutos depois atingiu o alvo previsto, em um polígono militar da península de Kamchatka, no extremo leste do país, a uma distância de cerca de 6 mil quilômetros.

As Forças Armadas russas anunciaram o novo teste de um míssil balístico intercontinental no momento de um agravamento das relações com o Ocidente, após a incursão do Exército russo na Geórgia e do reconhecimento pelo Kremlin da independência das regiões separatistas georgianas da Abkházia e da Ossétia do Sul.

O teste ficou a cargo das Forças Espaciais e das Forças Estratégicas de Mísseis da Rússia, informou às agências russas o porta-voz desta última entidade, coronel Aleksandr Vovk.

O objetivo do teste era confirmar as características de vôo deste tipo de míssil, após o prolongamento do prazo de vida útil e os ensaios de novos tipos de equipamentos de combate para os mísseis balísticos de lugar terrestre, disse o porta-voz.

"A ogiva experimental do míssil atingiu com grande precisão o alvo condicional situado no polígono de Kamtchatka e confirmou, assim, sua capacidade garantida de abater seletivamente alvos com alto grau de proteção", disse Vovk, segundo a agência "RIA Novosti".

EFE si/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG