Moscou, 18 set (EFE).- A Rússia ensaiou hoje com sucesso o lançamento de um míssil intercontinental Bulava de oito mil quilômetros de alcance que estará em sua frota de submarinos atômicos de última geração.

O Bulava, que foi lançado em posição de imersão pelo submarino nuclear Dmitri Donskói do mar Blanco, alcançou 20 minutos mais tarde seu destino no polígono militar de Kura, na península de Kamchatka, informaram as agências russas.

O Ministério da Defesa celebrou o êxito do lançamento, já que nos últimos meses vários ensaios com Bulavas fracassaram.

Recentemente, a Marinha russa havia informado que as provas com testes com os Bulava terminariam este ano, quando essas armas se transformarão no principal instrumento de combate das Forças Estratégicas da Rússia nas próximas décadas.

Os Bulava serão postos nos futuros submarinos nucleares de 4ª geração: Yuri Dolgoruki, Aleksandr Nevski e Vladimir Monomaj, cada um dos quais poderá levar 12 Bulavá-M.

Estes mísseis, de 30 toneladas de peso, são considerados quase impossíveis de serem abatidos pelos sistemas de defesa aérea existentes devido a sua alta velocidade e à capacidade de burlar radares e antimísseis. EFE io/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.