Rússia suspende veto a carne do Tocantins

Brasília, 20 jul (EFE).- O Governo federal informou hoje que a Rússia levantou a restrição temporária que havia imposto às importações de carne bovina e produtos derivados crus do estado do Tocantins, com a exceção dos saídos de três municípios.

EFE |

O levantamento da restrição se deve ao cumprimento do termo do acordo internacional que previa o controle de um foco de estomatite vesicular registrado no município de Paranã em 4 de junho, afirmou o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento em comunicado.

O veto afetava unicamente a carne bovina e outros produtos crus procedentes do Tocantins e não de todo o país, segundo a Rússia.

"O Serviço Federal de Supervisão Veterinária e Fitossanitária da Rússia revogou as restrições temporárias à importação de carne bovina e produtos derivados crus originais do estado do Tocantins, mantendo o veto só aos municípios de Paranã, Jaú e Pedro Afonso", diz o comunicado.

O texto lembra que a "Rússia é um dos principais mercados consumidores de produtos de origem animal do Brasil".

Segundo dados da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec), a Rússia liderou as compras de carne fresca do Brasil no primeiro semestre do ano com a aquisição de 237 mil toneladas do produto. EFE joc/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG