calma e fim de ataques israelenses à Faixa de Gaza - Mundo - iG" /

Rússia pede calma e fim de ataques israelenses à Faixa de Gaza

Moscou, 28 dez (EFE).- O ministro de Exteriores russo, Serguei Lavrov, conversou hoje com a chanceler israelense, Tzipi Livni, para pedir que Israel interrompa os ataques contra a Faixa de Gaza, que já deixaram quase 300 palestinos mortos.

EFE |

Lavrov "confirmou a posição da Rússia em favor do fim urgente das ações de força na região, que já deixaram múltiplas vítimas entre os palestinos", informou o Ministério de Exteriores russo em comunicado sobre a conversa telefônica.

O ministro russo ressaltou ainda a necessidade de restabelecer o regime de "calma", o que permitiria garantir a segurança da população civil no sul de Israel, diz a nota, em relação com os ataques com foguetes por parte do grupo islâmico Hamas, que controla Gaza.

Lavrov, que também pediu a Livni que Israel permita o acesso de ajuda humanitária a Gaza, conversou hoje com o ministro de Exteriores egípcio, Ahmed Abdul Gheit, para trocar opiniões sobre esta nova crise e os meios para resolvê-la.

"A Rússia continuará, em coordenação com outros atores da região, seus enérgicos esforços para deter o derramamento do sangue e o confronto", informou o Ministério de Exteriores russo em seu site.

O representante da Rússia perante a ONU, Vitaly Churkin, expressou a esperança de que a declaração aprovada hoje pelo Conselho de Segurança e baseada em uma minuta russa seja escutada por ambas as partes do conflito, a fim de deter a violência e criar as condições necessárias para retomar o processo de paz. EFE si/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG