Rússia pede que Abbas apoie esforços do Egito em Gaza

Moscou, 2 jun (EFE).- O ministro de Assuntos Exteriores da Rússia, Serguei Lavrov, pediu hoje para que o movimento islâmico Hamas e o presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, colaborem com os esforços do Egito nas negociações de paz para a Faixa de Gaza.

EFE |

"Enviamos recados ao Hamas e a Abbas no que diz respeito à necessidade de cooperar da maneira mais séria possível com os esforços empreendidos pelo Egito", apoiados tanto pela Rússia, quanto por Israel, declarou Lavrov depois de se reunir com seu colega israelense, Avigdor Lieberman.

Sobre os colonos, o ministro russo disse que ouviu de Israel a disposição de implantar as medidas acordadas com o apoio do Quarteto para o Oriente Médio (Estados Unidos, União Europeia, ONU e Rússia) e do Conselho de Segurança das Nações Unidas no marco do "Mapa do Caminho".

Lieberman afirmou que "os colonos não representam um obstáculo para um acordo de paz" e lembrou que, até 1967, quando nenhum assentamento havia sido construído, "a paz não reinava no Oriente Médio".

"Estamos dispostos a respeitar todos os acordos prévios", assinalou o ministro, mas advertiu que "o crescimento natural da população não pode ser tema de negociação".

"As pessoas nascem, morrem, se casam. É necessário construir jardins de infância e sinagogas", ressaltou Lieberman.

Além disso, segundo Lavrov, ambos os ministros "destacaram a necessidade de garantir à comunidade internacional o caráter exclusivamente pacífico do programa nuclear iraniano".

"Esperamos uma resposta construtiva por parte das autoridades iranianas", acrescentou o ministro russo.

Lavrov também ressaltou a "grande oportunidade" para o início das negociações, "levando em conta a postura da nova Administração americana".

Lieberman também se mostrou satisfeito com as relações bilaterais com a Rússia.

"As relações bilaterais alcançaram provavelmente o nível mais alto desde o estabelecimento dos laços diplomáticos", declarou o ministro israelense. EFE egw/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG