Moscou, 27 mai (EFE).- O Ministério de Defesa russo disse hoje que são falsas as informações veiculadas em alguns veículos de imprensa de que Moscou começou a adotar medidas preventivas diante da possibilidade de um conflito armado, inclusive nuclear, na Península Coreana.

"Nenhuma unidade do Ministério de Defesa russo foi posta em situação de alarme, nem deslocada de seu local de destacamento, em relação com o teste nuclear da Coreia do Norte", explicou um porta-voz ministerial, citado pela agência "RIA Novosti".

Previamente, a agência "Interfax" citou um alto funcionário das forças de segurança russas, o qual teria dito que "o aumento na gravidade da situação na área como resultado das últimas decisões e ações de Pyongyang pode afetar a segurança da população das regiões do extremo oriente da Rússia".

Por causa disso, acrescentou, "surgiu a necessidade de adotar uma série de medidas preventivas". EFE egw-bsi/bba

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.