Rússia implanta medidas especiais de controle para passageiros em aeroportos

Moscou, 26 abr (EFE).- O chefe do Serviço Epidemiológico da Rússia, Gennady Onishenko, anunciou hoje a implantação de medidas especiais de controle nos aeroportos para os passageiros provenientes da América do Norte, especialmente do México, tendo em vista o surto de gripe suína.

EFE |

"As máximas autoridades da Rússia estão completamente informadas sobre a situação referida à gripe suína", disse Onishenko em declarações ao canal de televisão russo "Vesti".

Acrescentou que se tomou a decisão de reativar os grupos de especialistas que atuaram em 2005 e 2006 por ocasião da gripe aviária.

O médico ressaltou que na Rússia "por enquanto não foram registrados casos de gripe suína" em seres humanos.

Os sintomas da gripe suína, um variante da tradicional cepa H1N1 que sofreu mutação dos porcos para os humanos, são febre superior a 39 graus, que se apresenta de maneira repentina, tosse, dor de cabeça intensa, dores musculares e de articulações, irritação dos olhos e fluxo nasal. EFE bsi/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG