Rússia espera que palestinos consigam formar Governo de união nacional

Moscou, 27 fev (EFE).- O Governo russo qualificou hoje de um importante passo promissor a retomada do diálogo entre os diversos grupos palestinos e se mostrou confiante de que todas as facções consigam formar um Governo de união nacional.

EFE |

"Esperamos que os palestinos consigam em breve chegar a acordos para formar um Governo nacional e sobre outros assuntos de importância", afirmou o Ministério de Assuntos Exteriores da Rússia, em comunicado.

Os dirigentes dos diferentes grupos palestinos anunciaram ontem o final de suas profundas divisões e, em reunião realizada no Cairo, que qualificaram de "histórica", comprometeram-se a criar um Governo de união nacional.

A Chancelaria russa ressaltou que "a Rússia continuará contribuindo energicamente para a obtenção destes objetivos em seus contatos com a Autoridade Nacional Palestina, e os líderes do Hamas e de outras facções palestinas".

A Rússia, que junto com Estados Unidos, ONU e União Europeia integra o Quarteto de Madri para o Oriente Médio, é único membro deste grupo de mediadores internacionais que não considera o Hamas uma organização terrorista. EFE si/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG