Rússia encerra missão policial no Kosovo

Moscou, 25 mar (EFE).- A Rússia deu por encerrada sua missão policial no Kosovo de comum acordo com as autoridades locais, anunciou hoje Leonid Pogorelov, comandante do contingente russo.

EFE |

Ele explicou que os trabalhos realizados pelos soldados do Ministério do Interior e do Serviço Federal de Segurança (FSB) no marco da missão de paz da ONU foram passados à missão da União Europeia (UE).

"O grosso do agrupamento policial foi retirado do Kosovo no final de fevereiro e o último soldado abandonou o território nesta segunda-feira", disse Pogorelov, citado pela agência "Interfax".

Durante quase dez anos, mais de 400 policiais russos fizeram patrulhas, realizaram detenções e treinaram os agentes locais.

O contingente russo não sofreu qualquer baixa em todos estes anos e apenas em duas ocasiões um de seus integrantes teve que usar sua arma.

O primeiro presidente russo, Boris Yeltsin, assinou o decreto correspondente para enviar policiais russos ao Kosovo em junho de 1999. EFE io/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG