Rússia e Venezuela realizarão manobras navais conjuntas em águas sul-americanas

Rússia e Venezuela realizarão manobras navais em conjunto no mês de novembro diante da costa do país sul-americano das quais participarão navios emblemáticos da Frota russa, anunciou nesta segunda-feira esta última em um comunicado.

AFP |

Vários navios da Frota russa do Norte -entre eles o cruzeiro de propulsão nuclear "Pedro o Grande", que pode transportar mísseis convencionais e atômicos- e aviões da Marinha russa participarão de "exercícios conjuntos com a Marinha da Venezuela", indicou a nota.

Essas manobras comuns foram decididas durante uma visita feita um julho a Moscou pelo presidente venezuelano, Hugo Chávez, lembrou o comunicado.

Para esses exercícios a Rússia também levará para a Venezuela aviões de luta anti-submarina, anunciou nesta segunda-feira o porta-voz do Ministério russo das Relações Exteriores.

Moscou prevê "um estacionamento temporário de aviões de luta anti-submarina da Frota russa em um dos aeroportos da Venezuela", declarou Andrei Nesterenko, em uma entrevista à imprensa.

vl/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG