Kiev, 11 jan (EFE).- Rússia e Ucrânia não conseguem coordenar vários detalhes técnicos no protocolo sobre o mecanismo de controle do tráfego de gás russo pelo território ucraniano, disse hoje o primeiro-ministro tcheco, Mirek Topolanek.

"Vários detalhes continuam sem ser resolvidos", disse Topolanek, que intervém na crise do gás entre Rússia e Ucrânia na qualidade de representante do país que ostenta a Presidência da União Européia (UE).

Por isso, a UE propôs a ambos os países assinar a versão de compromisso.

"Não podemos permitir que seja destruído o sistema de toda a Europa", disse Topolanek durante a reunião com a primeira-ministra ucraniana, Yulia Timoshenko.

A chefe do Governo da Ucrânia reiterou a disposição de garantir o tráfego do gás russo.

"Se o gás for fornecido ao sistema (de encanamentos), nós o transportaremos sem problemas", asseverou. EFE bk-mb/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.