Moscou, 21 jul (EFE).- Rússia e Brasil assinaram hoje um memorando de cooperação nuclear com fins pacíficos por ocasião da visita do secretário-geral do Ministério das Relações Exteriores, Samuel Pinheiro Guimarães.

O memorando foi assinado pelo diretor-geral da corporação de energia atômica russa Rosatom, Serguei Kiriyenko, e pelo presidente da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN), Odair Gonçalves.

Segundo as agências russas, o acordo bilateral inclui o desenvolvimento de tecnologias de prospecção de urânio, design de reatores de nova geração e construção de reatores nucleares para pesquisa.

Além disso, também permitirá a produção de radioisótopos para utilização na produção de medicamentos e na agricultura, além da formação de especialistas em energia nuclear.

As bases para o acordo saíram após um encontro entre o presidente Lula e seu colega russo, Dmitri Medvedev, no final de novembro do ano passado, no Rio de Janeiro.

Até agora, a cooperação nuclear entre Moscou e Brasília era feita por um acordo assinado em 1994.

Segundo a chancelaria brasileira, Lula voltará à Rússia no primeiro semestre de 2010.

Os dois países tiveram um intercâmbio comercial de US$ 6,7 bilhões em 2008, valor que caiu 40% no primeiro trimestre deste ano em comparação com o mesmo período anterior. EFE.

io/dp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.