Rússia diz que Al Qaeda ganha força no Afeganistão

Moscou, 15 abr (EFE).- O serviço secreto russo afirmou hoje que a rede terrorista Al Qaeda recuperou posições no Afeganistão, apesar da presença de tropas dos Estados Unidos e de outros membros da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

EFE |

"Apesar dos esforços empreendidos no Afeganistão pela coalizão antiterrorista, os grupos terroristas conseguiram restabelecer seu potencial sob a bandeira da Al Qaeda", disse o general Alexei Sedov, chefe do departamento de luta antiterrorista do Serviço Federal de Segurança russo (FSB, antigo KGB).

A Al Qaeda no Afeganistão, inclusive, "consolidou seu papel como principal estrutura coordenadora do terrorismo internacional", declarou o especialista russo durante uma conferência da Organização de Cooperação de Xangai (SCO, na sigla em inglês), entidade regional que agrupa Rússia, China, Cazaquistão, Quirguistão, Tadjiquistão e Uzbequistão.

"A análise da situação internacional, em particular na Ásia Central, mostra que a ameaça terrorista continua crescendo", disse Sedov durante o fórum, dedicado à cooperação entre os membros da SCO para garantir a segurança regional.

O especialista ressaltou que o Afeganistão e o Paquistão se tornaram uma "incubadora" de radicais islâmicos, que aprendem a combater em território afegão e, depois, são enviados às repúblicas centro-asiáticas e à Rússia, segundo a agência "Interfax".

"O fator afegão influi negativamente na situação da Ásia Central.

Nossa previsão é que a principal ameaça para os países da SCO, incluindo a Rússia, será constituída pelos grupos terroristas que operam no Afeganistão", ressaltou o oficial.

Outro general russo, Andrei Novikov, chefe do Centro Antiterrorista da comunidade pós-soviética, disse que os talibãs tentam estender sua influência até o norte afegão, motivo pelo qual aumenta o risco de ataques contra as fronteiras tajique e uzbeque.

EFE se/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG