Rússia condena energicamente atentado contra embaixada indiana em Cabul

Moscou, 8 jul (EFE).- O Ministério de Assuntos Exteriores da Rússia condenou hoje energicamente o atentado com carro-bomba cometido nesta segunda-feira ontem contra a Embaixada da Índia em Cabul que deixou 41 mortos, e expressou suas condolências aos familiares das vítimas.

EFE |

"Na Rússia, como no mundo todo, este novo crime sangrento cometido pelos terroristas em Cabul, junto à embaixada da Índia, causou indignação", afirma o ministério em comunicado.

Segundo o texto, esta "ação criminosa tem como objetivo atemorizar a própria população, o Governo do Afeganistão e a comunidade internacional, que luta contra os extremistas que tentam arrancar o poder das autoridades".

"Condenamos energicamente este ato cheio de ódio para o ser humano cometido pelos terroristas. Estou convencido de que será dada uma merecida resposta", ressalta o ministério.

O atentado da segunda-feira, o mais violento registrado este ano na capital afegã, deixou 41 mortos - na maioria civis afegãos e cinco pessoas que trabalhavam na missão diplomática -, e deixou mais de 140 feridos. EFE egw/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG