O presidente da Rússia, Dmitri Medvedev, afirmou nesta terça-feira que Moscou vai dar início a um amplo plano de rearmamento militar a partir de 2011. O objetivo inicial é fazer com que nossas forças estejam mais prontas para o combate, principalmente todas nossas forças nucleares estratégicas, disse Medvedev a militares russos de alta patente.

Ao explicar a decisão, o presidente argumentou que a Otan - a aliança militar formada por países do Atlântico Norte - busca a expansão militar perto de fronteiras da Rússia.

No ano passado, o Kremlin havia anunciado planos para aumentar o financiamento das Forças Armadas russas nos próximos dois anos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.