Rússia adota medidas preventivas perante um eventual conflito armado

Moscou, 27 mai (EFE).- A Rússia começou a adotar medidas preventivas perante a eventualidade de um conflito armado, inclusive nuclear, na península da Coreia, afirmaram hoje fontes das forças de segurança do país.

EFE |

"O aprofundamento da situação na região como resultado das últimas decisões e ações de Pyongyang pode afetar a segurança da população das regiões do extremo oriente da Rússia", explicou um alto cargo dessas forças, citado pela agência "Interfax".

"Em vista disso surgiu a necessidade de adotar uma série de medidas preventivas", acrescentou.

A fonte disse que essas ações são adotadas tanto pelas estruturas militares, que controlam os níveis de radiação na região, assim como pelos organismos de Defesa Civil.

"Não se trata de uma concentração de esforços militares, mas de medidas para o caso da explosão de um conflito na península da Coreia com uso, talvez, também de armas nucleares". EFE bsi/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG