Rússia acusa Geórgia de aumentar tensão nas zonas separatistas

A Rússia acusou a Geórgia de provocar o aumento da tensão em suas regiões separatistas de Abkházia e Ossétia do Sul, em uma queixa realizada nesta terça-feira ao Conselho de Segurança da ONU.

AFP |

O embaixador russo nas Nações Unidas, Vitaly Tchurkin, disse à imprensa que manifestou ao Conselho de Segurança "sua profunda preocupação com os recentes atos da parte georgiana nas zonas de conflito" de Abkházia e Ossétia do Sul.

Tchurkin atribuiu à Geórgia a responsabilidade por uma série de explosões ocorridas recentemente na Abkházia.

Uma série de atentados em Gagra, um balneário da Abkházia no Mar Negro, na capital Sukhumi e na região de Gali, deixou 4 mortos e cerca de 20 feridos em pouco mais de uma semana.

Na noite de segunda-feira, o governo georgiano condenou essas explosões na Abkházia e acusou a Rússia dos ataques.

Tchurkin citou ainda os bombardeios georgianos na Ossétia do Sul.

hc/LR/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG