Sirius Star - Mundo - iG" /

R.Unido pede libertação de reféns do Sirius Star

Londres, 19 out (EFE).- O ministro de Assuntos Exteriores britânico, David Miliband, pediu hoje a imediata libertação da tripulação do superpetroleiro Sirius Star, e afirmou que a Marinha do Reino Unido ajuda a solucionar o seqüestro.

EFE |

Em entrevista à "BBC" em Beirute, onde está em visita oficial, Miliband disse que o problema da pirataria na Somália representa "um grande risco para a estabilidade da região".

"O Reino Unido está muito preocupado com a pirataria no Golfo de Áden e na Somália. Pedimos aos que os retêm (pelos dois britânicos seqüestrados) que os libertem imediatamente, junto com o restante da tripulação", afirmou o ministro.

O "Sirius Star" - com uma tripulação de dois britânicos, dois poloneses, um croata, um saudita e 19 filipinos - foi seqüestrado no domingo a cerca de 700 quilômetros do litoral somali.

O chefe da diplomacia britânica afirmou ainda que a Marinha do Reino Unido (Royal Navy) está ajudando a solucionar o caso.

"A Royal Navy está coordenando a resposta européia e também ajuda na missão internacional que trabalha no local. Certamente o problema da pirataria na Somália constitui um grave risco para a estabilidade da região", insistiu. EFE vg/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG