R.Unido considera que ritmo de contágio da gripe atingiu ápice

Londres, 30 jul (EFE).- O Governo britânico considerou hoje que o ritmo de contágio pela gripe suína pode ter atingido o ápice, depois que, na semana passada, foram registrados 110 mil novos casos, 10% de aumento a respeito de semanas anteriores.

EFE |

Segundo os números oficiais, o número de mortos no Reino Unido chegou a 31 e o de hospitalizados ficou a 793, o que representa uma queda a respeito das 840 pessoas que estavam internadas na semana passada por causa da gripe suína.

No entanto, o Governo se mostrou cauteloso, porque considera difícil ter estimativas totalmente confiáveis sobre a propagação da gripe, e disse que ainda é cedo para saber o efeito do serviço nacional de gripe pandêmica.

Este serviço foi iniciado na semana passada para que os cidadãos consultem especialistas através da internet e do telefone, com o objetivo de aliviar o grande volume de consultas dos médicos.

As autoridades de saúde destacaram que o final do período escolar em 17 de julho teve um claro efeito em baixa nos contágios entre menores de entre 5 e 14 anos.

Também destacaram que não há indícios de que o vírus esteja sofrendo mutações ou esteja desenvolvendo resistência a remédios antivirais, como o Tamiflu.

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE fpb/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG