Rudd diz a Obama que Austrália será grande amiga e parceira dos EUA

SYDNEY - O primeiro-ministro australiano, Kevin Rudd, conversou hoje com o democrata Barack Obama, presidente eleito dos Estados Unidos, e manifestou que a Austrália será um grande amigo e parceiro do novo líder americano.

EFE |

"Falamos sobre a força da relação entre Austrália e Estados Unidos e nosso compromisso para incrementá-la no futuro", explicou Rudd após a conversa por telefone, cujo conteúdo foi divulgado pela cadeia de rádio "ABC".

Rudd disse que não discutiu os planos da nova Administração americana no Afeganistão, e assegurou que seu Executivo não tem planos para aumentar o número de tropas no país.

"Dos países que não fazem parte da Otan com tropas no Afeganistão, a Austrália é o que tem o maior contingente", afirmou o primeiro-ministro.

Rudd foi um dos primeiros líderes mundiais a parabenizar Obama por sua vitória nas eleições da terça-feira passada. 

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG