Ruanda nega disparos no leste da RD Congo

Ruanda negou nesta quinta-feira que suas tropas tenham atacado o leste da República Democrática do Congo (RDC, antigo Zaire), onde se enfrentam o Exército congolês e os rebeldes do general Laurent Nkunda.

AFP |

"Ruanda não disparou contra o Congo, e sim o Congo abriu fogo contra Ruanda. Há obuses que foram lançados a partir do Congo", declarou o ministro ruandês das Relações Exteriores, Rosemary Museminali, a uma emissora de rádio.

A rádio acrescentou que os obuses caíram na área de Rugeshi (norte), perto da fronteira com a RDC, e feriram levemente uma criança.

O Conselho de Segurança da ONU condenou na quarta-feira o avanço dos rebeldes de Laurent Nkunda em direção a Goma, a capital da província de Kivu Norte, na fronteira com Ruanda.

O Exército congolês abandonou na quarta-feira Goma, uma das cidades mais importantes do leste da República Democrática do Congo, assim como vários habitantes e milhares de refugiados.

str-mc/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG