Rosto pode indicar intenções de relacionamento, diz estudo

O rosto pode indicar a atitude de uma pessoa frente a relacionamentos, segundo um estudo publicado nesta quarta-feira no Journal of Evolution and Human Behaviour. O estudo concluiu, por exemplo, que as mulheres vêem homens com maxilar mais quadrado, nariz maior e olhos menores como menos dispostos a ter um relacionamento sério e mais abertos a sexo sem compromisso.

BBC Brasil |

Os pesquisadores das universidades britânicas de St. Aberdeen, St. Andrews e Durham entrevistaram 700 pessoas heterossexuais na faixa etária de 20 e poucos anos.

Os pesquisadores mostraram aos participantes pares de fotografias e pediram que eles indicassem qual rosto acreditavam ser de uma pessoa mais aberta a relações sexuais curtas ou sexo sem amor e qual parecia ser de uma pessoa mais inclinada a ter relacionamentos sérios.

BBC
gabi
Pessoa à direita estaria mais disposta a sexo
sem compromisso
As respostas foram então comparadas com a real atitude frente a relacionamentos das pessoas mostradas nas fotografias, com base em um questionário feito anteriormente.

Os pesquisadores afirmam que muitos puderam indicar com precisão quem era mais interessado em qual tipo de relacionamento.

Segundo os pesquisadores, as pessoas usam essa percepção para selecionar seus parceiros, dependendo do que tipo de relacionamento que buscam.

Preferência

Os participantes também indicaram qual rosto parecia ser mais feminino ou mais masculino e, no geral, qual parecia ser mais atraente.

Os homens indicaram uma preferência por mulheres que pensam, ao olhar para o rosto delas, estar abertas para relacionamentos sexuais de curto prazo. Já as mulheres estariam em busca do oposto.

O estudo revelou também que a maioria das mulheres acha os homens com rostos que indicam um certo nível de promiscuidade pouco atraentes, tanto para relações rápidas como para relacionamentos longos.

BBC
Pessoa à direita estaria mais disposta a sexo sem compromisso
Pessoa da esquerda estaria mais propensa
a relacionamento sério


"Esse estudo mostra que a impressão inicial que temos das pessoas pode fazer parte da nossa avaliação sobre potenciais parceiros ou potenciais rivais", afirma Lynda Boothroyd, da Universidade de Durham.

Bem Jones, da Universidade de Aberdeen, diz que outros estudos já haviam indicado que é possível perceber várias características pessoais, como condições de saúde e traços de personalidade, como introversão, apenas ao olhar para o rosto da pessoa.

"Mas esse é o primeiro estudo a mostrar que as pessoas também percebem sinais faciais sutis sobre o tipo de relacionamento que os outros querem ter", afirma.

Leia mais sobre: atração

    Leia tudo sobre: estudo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG