Roche anuncia programa para acelerar acesso ao Tamiflu

Genebra, 1 jul (EFE).- A farmacêutica Roche anunciou hoje o lançamento de um programa para facilitar o acesso ao antiviral Tamiflu nos países em desenvolvimento.

EFE |

A companhia quer ter um estoque de Tamiflu para ser distribuído nos países em desenvolvimento que passem por uma situação de urgência em decorrência da gripe suína.

Segundo comunicado, a Roche venderia a esses países o Tamiflu "a um preço muito reduzido" durante vários anos.

O preço dependeria do período de armazenamento requerido, mas se situaria entre 5 e 6 euros por dez cápsulas de 75 mg, entre 3 e 3,65 euros pelas cápsulas de 45 mg, e entre 2 e 2,55 euros pelas cápsulas de 30 mg.

A companhia especificou que os remédios seriam enviados a pedido dos Governos desses países, e a partir do momento em que seja declarada uma pandemia ou uma situação de urgência de saúde pública.

O programa poderá ser aplicado em 71 países, todos que fazem parte da Aliança Mundial para as Vacinas (GAVI), exceto a Índia, onde outra companhia tem uma licença para produzir um genérico.

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE mh/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG