Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Rochas mais antigas da Terra são achadas no norte do Canadá

Por Will Dunham WASHINGTON (Reuters) - Um veio rosado de rochas na costa leste da baía de Hudson (norte do Canadá) contém algumas das pedras mais antigas da Terra, formadas há 4,28 bilhões de anos, relativamente pouco depois do surgimento do planeta, disseram cientistas na quinta-feira.

Reuters |

Essas rochas podem ser remanescentes da crosta primordial da Terra, que se formou quando o planeta esfriou, ainda nos primórdios do Sistema Solar, segundo Jonathan O'Neil, da Universidade McGill, de Montreal.

"Talvez essa fosse a crosta original, e antes disso não havia uma crosta estável na Terra. Essa é uma grande questão", disse O'Neil por telefone.

Esse terreno no norte do Québec, com cerca de 10 quilômetros quadrados, é composto por basalto vulcânico. Para determinar a idade das rochas, os geoquímicos usam métodos isotópicos de datação que analisam os elementos samário e neodímio.

Em artigo na revista Science, os cientistas disseram que o estudo dessas rochas pode fornecer pistas sobre os primórdios o planeta. O Sistema Solar, inclusive a Terra, foi formado há cerca de 4,57 bilhões de anos. Essas rochas surgiram "apenas" 290 milhões de anos depois.

Richard Carlson, do Instituto Carnegie, de Washington, disse que certas características das rochas sugerem que naquela época já havia água na superfície terrestre. Os cientistas debatem sobre quando os oceanos se formaram e se a água apareceu no próprio planeta ou foi trazida por cometas gelados.

A natureza das rochas também dá dicas sobre a temperatura na época da sua formação, disse Carlson.

"Provavelmente quando o planeta se formou ele era um caldeirão, mas mesmo tão cedo na história da Terra ela já havia se resfriado para algo não dramaticamente diferente de hoje -- provavelmente mais quente, mas não dramaticamente mais quente", disse o cientista.

Os pesquisadores não encontraram evidências diretas de vida nas rochas. Supõe-se que a vida tenha surgido inicialmente na forma de bactérias.

"Sabemos que provavelmente o ambiente correto para a vida estava lá na Terra, ou seja, a água líquida e tudo o que é preciso para a vida. Agora, havia vida? Esse é um grande ponto de interrogação", disse O'Neil.

As rochas mais antigas até então conhecidas ficam nos Territórios do Noroeste do Canadá e têm 4,03 bilhões de anos. No oeste da Austrália foram achados grânulos minerais com até 4,36 bilhões de anos, que no entanto não configuram rochas completas.

Carlson disse que a sua descoberta na localidade de Nuvvuagittuq, em tons puxando para o rosa e o marrom, "é uma rocha muito bonita". "Tem camadas em rosa. E aí aparecem grandes granadas que fazem bolhas grandes e redondas nessas camadas," descreveu.

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG