Rice: Washington manterá sanções unilaterais ao Irã

Os Estados Unidos continuarão a impor sanções unilaterais ao Irã até que o país abra mão de seu programa de enriquecimento de urânio, declarou nesta quinta-feira a secretária de Estado americana, Condoleezza Rice.

AFP |

"Continuaremos impondo sanções às entidades, enquanto continuarem tentando invadir o sistema financeiro internacional para seus jogos desonestos", declarou Rice durante a viagem com o secretário de Estado britânico, David Miliband, rumo a Palo Alto, na Califórnia (oeste).

"Sim, continuaremos com as sanções e continuaremos agressivamente", afirmou Rice.

O Irã indicou que está pronto para dar início a "sérias" negociações com as potências mundiais sobre uma variedade de assuntos, entre eles a energia nuclear.

Washington decretou sanções unilaterais para forçar o Irã a renunciar a seu programa de enriquecimento de urânio, que, acredita-se, tem propósitos militares.

Em outubro passado, os Estados Unidos incluíram em sua lista negra os três principais bancos iranianos (Melat, Melli e Saderat).

O Conselho de Segurança da ONU aprovou no dia 3 de março uma resolução que endurece as sanções contra o Irã, na qual aumenta a lista de indivíduos e entidades vinculados aos programas nucleares e balísticos iranianos, afetados pelo congelamento de seus bens no exterior e, em alguns casos, pela proibição de viajar.

sl/cl

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG