Rice está otimista com operações dos EUA no Afeganistão

Washington, 14 abr (EFE) - A secretária de Estado americana, Condoleezza Rice, expressou hoje otimismo com as operações militares de seu país no Afeganistão, e indicou que os afegãos optaram pela democracia e pela modernidade em vez do despotismo medieval. Muito se falou do que está ocorrendo no Afeganistão e no Iraque, mas não podemos nos esquecer de que nossas conquistas no terreno são possíveis por nossa superioridade aérea, disse Rice durante um discurso na Base Aérea de Maxwell, no Alabama. Estamos ganhando no Afeganistão por vocês, afirmou a chefe da diplomacia americana. Rice foi a essa base aérea para receber um doutorado honorário da Air University, da Força Aérea, por suas contribuições ao campo das relações internacionais e da segurança nacional. Este é o primeiro doutorado honorário concedido pela instituição de capacitação militar a um líder do setor civil, de acordo com o Pentágono. Durante a cerimônia, Rice expressou otimismo sobre uma eventual vitória no Afeganistão, ao comparar a situação atual nesse país com os esforços na Europa após a Segunda Guerra Mundial. Os desafios que enfrentamos no final da Segunda Guerra Mundial e os que enfrentamos agora só podem ser superados com otimismo sobre o poder de nossos princípios e valores, disse Rice, ao destacar que os Estados Unidos e seus aliados têm diante de si uma oportunidade estratégica no Afeganistão. Rice elogiou o processo eleitoral no país após a queda do regime tal...

EFE |

Ela acrescentou que os Estados Unidos e seus aliados "têm um interesse vital na vitória" dos parceiros afegãos "sobre os talibãs e a consolidação de um Estado democrático e eficaz".

"Esse país jamais deve voltar a ser refúgio para o tipo de terroristas que atacaram os EUA em 11 de setembro (de 2001), que repetidamente atacaram nossos amigos e aliados, e que tentam nos causar mais dano", ressaltou Rice. EFE mp/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG