Washington, 9 dez (EFE) - A secretária de Estado americana, Condoleezza Rice, e sua sucessora, Hillary Clinton, conversaram sobre os desafios e oportunidades que a senadora enfrentará a partir de janeiro, em um jantar privado cujo menu incluía robalo e arroz selvagem, informaram hoje fontes oficiais.

O jantar ocorreu na segunda-feira à noite no apartamento que Rice tem em Watergate, às margens do Potomac, e durou duas horas, disse hoje o porta-voz do Departamento de Estado, Sean McCormack.

A chefe da diplomacia americana convidou Hillary a ir a seu apartamento para dar alguns conselhos e recomendações em particular, como tinha antecipado quando a senadora por Nova York foi nomeada sua sucessora no cargo, em 1º de dezembro.

O porta-voz de Rice descreveu o encontro como "a primeira reunião de várias" que a secretária de Estado provavelmente manterá com Hillary até 20 de janeiro no marco do período de transição.

As duas conversaram em termos "muito gerais" sobre política, os desafios e as oportunidades e falaram um pouco sobre o trabalho de uma secretária de Estado e sobre o que significa dirigir e tramitar os escritórios e o pessoal do Departamento de Estado, explicou McCormack, sem dar mais detalhes da conversa.

Rice e Hillary degustaram um menu composto por creme de cogumelos, robalo com arroz selvagem e fruta de sobremesa, apesar de o jantar não ter sido preparado pela secretária de Estado, e sim encomendado a uma empresa de catering, revelou o porta-voz.

No domingo, Rice avaliou a nomeação de Hillary como sua sucessora e previu que fará um "ótimo trabalho", porque é "inteligente, ama os Estados Unidos e tem fé nos valores deste país". EFE cae/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.