Rice diz não saber se Irã responderá positivamente à oferta do Grupo dos Seis

Washington - A secretária de Estado americana, Condoleezza Rice, afirmou hoje desconhecer a resposta que o Irã dará neste sábado em Genebra ao pacote de incentivos do chamado Grupo dos Seis (formado pelos cinco membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU e pela Alemanha) para abandonar suas ambições militares.

EFE |

"Não sei" se o Irã responderá positivamente à oferta feita pelo Grupo dos Seis, disse Rice a jornalistas.

"O que estamos dizendo é que acreditamos firmemente na via diplomática para resolver a polêmica das atividades nucleares iranianas e que apoiamos firmemente a unidade de nossos parceiros" das negociações com o Irã, explicou Rice, que ainda não se pronunciou sobre os supostos planos de Washington de estabelecer uma Embaixada em Teerã.

AP
Esta semana, Rice decidiu enviar o subsecretário de Estado para Assuntos Políticos, William Burns, à reunião de sábado entre o alto representante para Política Externa e Segurança Comum da União Européia (UE), Javier Solana, e o principal negociador iraniano no âmbito nuclear, Saeed Jalili, e delegados do Grupo dos Seis.

No sábado espera-se que o Irã dê a seus interlocutores sua resposta oficial e definitiva à proposta do Grupo dos Seis.

"Veremos o que os iranianos terão a dizer", disse Rice, que deixou claro que a participação de Burns na reunião - um claro desvio da política de isolamento que os Estados Unidos aplicam ao Irã - envia o sinal a Teerã de que a comunidade internacional "está unida" em sua posição sobre o programa nuclear iraniano.

"Estamos oferecendo aos iranianos a possibilidade de se aproximarem da comunidade internacional, mas também insistimos que têm que suspender seu programa de modo verificável para que possamos entrar em negociações", destacou a secretária de Estado.

Por isto, o Governo americano afirma que a presença de Burns na reunião de Genebra não significa uma mudança de postura em relação ao Irã e serve apenas para "ouvir" e "não para negociar".

O Grupo dos Seis ofereceu ao Irã um revisado plano de incentivos dentro do processo de negociação que visa a convencer o regime dos aiatolás a abandonar o enriquecimento de urânio.

No dia 14 de junho, Solana entregou às autoridades iranianas o conjunto de medidas e agora aguarda uma resposta formal de Teerã.

    Leia tudo sobre: rice

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG