Rice condena golpe militar na Mauritânia

A secretária americana de Estado, Condoleezza Rice, condenou nesta quarta-feira o golpe militar na Mauritânia e pediu a libertação do presidente e do primeiro-ministro do país africano.

AFP |

"Os Estados Unidos condenam o golpe militar que derrubou o governo democraticamente eleito na Mauritânia e apóiam os comunicados da União Africana e da União Européia condenando o golpe", disse Rice.

"Chamamos os militares a libertar o presidente Sidi Mohamed Ould Cheikh Abdalllahi e o premier Yahja Ould Ahmed Waghef, e a restaurar imediatamente o governo legítimo, constitucional e democraticamente eleito", destacou Rice em um comunicado.

lt/LR/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG