GENEBRA (Reuters) - Uma reunião de emergência entre especialistas em gripe que discutiu os surtos da gripe suína no México e nos Estados Unidos terminou sem nenhuma decisão, disse a Organização Mundial da Saúde (OMC) neste sábado.

A porta-voz da OMC, Sari Setiogi, disse que o grupo de 15 especialistas incluindo a diretora-geral da OMC, Margaret Chan, ouviu às últimas informações de autoridades de saúde do México e dos EUA. A agência, ligada à Organização das Nações Unidas, continuará a monitorar a situação no domingo mas nenhuma reunião está planejada.

"Eles não tomaram nenhuma decisão hoje", disse Setiogi à Reuters. "Um comunicado estará disponível mais tarde".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.