A divulgação dos resultados da autopsia de Michael Jackson foi adiada por, pelo menos, mais uma semana, revelou nesta quarta-feira o Instituto de Medicina Legal de Los Angeles.

O porta-voz do centro de medicina legal, Ed Winter, confirmou nesta quarta-feira que os resultados dos exames toxicológicos, que pretendem esclarecer as causas da parada cardíaca sofrida pelo astro pop, não sairão esta semana.

Michael Jackson morreu no dia 25 de junho passado, aos 50 anos, em uma mansão do noroeste de Los Angeles (Califórnia).

Winter informou ainda que hoje foi realizada outra vistoria no consultório de Beverly Hills de um dos cirurgiões plásticos de Jackson, Lawrence Koplin, em busca do histórico médico do astro.

"Cumpri uma ordem judicial, por volta do meio-dia, em busca do histórico médico de Michael Jackson e o doutor (Koplin) cooperou".

pb/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.