Resistência prepara grande manifestação para Zelaya em aeroporto

Tegucigalpa, 26 jan (EFE).- A Frente de Resistência contra o Golpe de Estado em Honduras, que reúne seguidores de Manuel Zelaya, prepara uma grande manifestação para saudar na quarta-feira, no aeroporto de Tegucigalpa, o presidente deposto.

EFE |

"Não estamos dizendo que nos despedimos dele, porque isso implicaria que ele não voltará. Então, o que vamos fazer é cumprimentá-lo", disse à Agência Efe o dirigente camponês Rafael Alegria, um dos líderes da resistência.

A saída de Zelaya acontecerá depois que o presidente da República Dominicana, Leonel Fernández, chegou a um acordo com o presidente eleito de Honduras, Porfírio Lobo, que assinará um salvo-conduto para o líder deposto quando assumir o poder.

Zelaya, que está na embaixada do Brasil há quatro meses, deve sair da sede diplomática para deixar o país junto a Fernández, que estará em Honduras para a posse de Lobo.

"Tem que ser um ato pacífico e controlado", disse Alegria, após confirmar que os manifestantes não se reunirão perante a embaixada do Brasil.

O presidente deposto pediu hoje a seus seguidores que não vão ao local para evitar que as aglomerações impeçam sua saída por terra e, assim, não tenha que deixar a embaixada de helicóptero. EFE jlp/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG