Republicanos suspendem grande parte do 1º dia da convenção

O candidato republicano à Casa Branca, John McCain, suspendeu, neste domingo, diante da chegada do furacão Gustav, quase todos os trabalhos agendados para o primeiro dia da Convenção Nacional do partido, que deve começar nesta segunda-feira, em St Paul (no norte de Minnesota).

Redação com agências |

"Espero e rezo para que possamos retomar algumas das nossas operações normais o quanto antes", disse McCain a jornalistas por meio de uma teleconferência.

O presidente do Comitê Nacional Republicano, Mike Duncan, disse que o primeiro dia da convenção será abreviado e que serão discutidos apenas temas básicos, como a adoção de regras, a eleição de autoridades e a adoção da plataforma do partido.

Depois, a convenção entrará em recesso pelo resto do dia.

O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, e o vice-presidente Dick Cheney já haviam anunciado que não iriam à convenção nacional do Partido Republicano.

O cancelamento da ida do presidente e do seu vice ocorreu devido ao furacão Gustav, que deve atingir a região da costa do golfo americano entre segunda-feira e terça.

Há três anos, o governo Bush enfrentou fortes críticas pela forma supostamente morosa e insuficiente com a qual lidou com o furacão Katrina, que assolou a mesma região que o Gustav deverá atingir, os Estados de Louisiana, Texas e Mississippi.

O Katrina causou a morte de cerca de 1,8 mil pessoas e deixou inundados três quartos da cidade de Nova Orleans, em Louisiana, em 2005.

    Leia tudo sobre: gustav

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG