Republicanos pedem redução do plano de estímulo econômico de Obama

Washington, 23 jan (EFE).- Os líderes republicanos no Congresso dos Estados Unidos pressionaram hoje o presidente Barack Obama a reduzir o seu plano de estímulo econômico, que por enquanto tem um valor previsto de US$ 825 bilhões.

EFE |

"Preocupa-nos o tamanho do plano", declarou John Boehner, chefe dos republicanos na Câmara de Representantes, após uma reunião na Casa Branca com Obama e os principais legisladores democratas.

Acompanhado por Mitch McConnell - o líder dos republicanos no Senado - e por outros membros de seu partido Boehner afirmou que "gastar quase um trilhão de dólares" é demais.

Declarou que é dinheiro que os EUA pedirão emprestado e que seus filhos e netos terão que pagar. EFE cma/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG