República Tcheca e EUA concluem acordo de defesa antimísseis

Estados Unidos e República Tcheca concluíram o último acordo bilateral para a mobilização das forças norte-americanas em uma futura base antimísseis prevista para 2012 em território tcheco, informou nesta terça-feira o Ministério tcheco da Defesa.

AFP |

"Todos os problemas maiores foram resolvidos", declarou à AFP o porta-voz do ministério, Andrej Cirtek, indicando que esse acordo técnico, chamado de "SOFA" (Acordo sobre o Status das Forças, em inglês), será submetido ao Governo em setembro.

Durante vários meses, as negociações entre Estados Unidos e o ex-país comunista não avançaram por motivos fiscais.

Este último ponto de litígio foi solucionado e as duas partes estão concluindo agora o acordo, em inglês e em tcheco, segundo Cirtek.

Uma vez concluído o pacto, o governo de centro-direita, liderado pelo primeiro-ministro liberal, Mirek Topolanek, poderá submeter ao Parlamento sua decisão de participar da defesa antimísseis norte-americana, recebendo um potente radar no terreno militar de Brdy, a sudoeste de Praga.

"Isto poderá ser feito, ao que parece, na sessão de setembro do Parlamento", considerou o vice-primeiro-ministro tcheco das Relações Européias, Alexandr Vondra, citado pelo jornal "Hospodarske Noviny".

A maioria parlamentar necessária dificilmente será alcançada devido às discrepâncias entre os mais pró-americanos e os menos pró-europeus.

O objetivo dos Estados Unidos, que buscam unir o radar a dez mísseis interceptores na Polônia, é proteger o território norte-americano de possíveis ameaças de países como o Irã. A Polônia deu seu consentimento final em meados de agosto, seis semanas depois da República Tcheca.

O acordo, concluído com dois ex-países comunistas que tornaram aliados, permite a Washington marcar um ponto contra a Rússia, que ameaça reagir se contingentes norte-americanos equipados de sistemas antimísseis forem instalados em sua antiga área de influência.

ckj-sof/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG