todo o mundo a ajudar Haiti - Mundo - iG" /

República Dominicana convoca todo o mundo a ajudar Haiti

Santo Domingo, 12 jan (EFE).- A República Dominicana convocou hoje os povos latino-americanos e todo o mundo a ajudar o Haiti, após o terremoto de 7,0 graus na escala Richter que sacudiu os dois países nesta terça-feira.

EFE |

O porta-voz da Presidência dominicana, Rafael Núñez, disse à televisão local que, de acordo com as informações recebidas, o sismo causou "grandes danos" no vizinho Haiti.

"As informações que temos apontam para uma situação difícil no Haiti. Por isso, solicitamos à América Latina e a todo o mundo que ajude o nosso vizinho, como estamos dispostos a fazer", afirmou.

Núñez afirmou que as autoridades locais "não puderam" se comunicar com seus representantes em Porto Príncipe, o que indica a gravidade da situação em território haitiano.

O porta-voz destacou que, até o momento, as autoridades locais não registraram danos de consideração no país, mas disse que o terremoto afetou as comunicações e cortou o serviço elétrico em algumas regiões.

O embaixador do Haiti nos EUA, Raymond Joseph, pediu hoje em entrevista à "CNN" ajuda internacional para atenuar os danos materiais e humanos provocados pelo terremoto, que em suas palavras podem ter tido proporções "catastróficas".

"Definitivamente, peço a ajuda dos EUA", disse o embaixador, que parecia emocionado na entrevista. "A única coisa que posso fazer agora é rezar e confiar em que o pior não aconteça", completou.

De acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês), o terremoto de 7,0 graus foi registrado às 19h53 de Brasília. Seu epicentro foi localizado a 15 quilômetros ao sudoeste de Porto Príncipe, a capital do Haiti.

Em seguida, dois tremores, o primeiro de 5,9 graus e o segundo, de 5,5 graus, sacudiram o Haiti num intervalo de pouco mais de 20 minutos após o sismo inicial. EFE rs/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG