Representantes da Unasul iniciam reunião sobre Conselho de Defesa regional

Santiago do Chile, 23 jun (EFE).- Representantes da União de Nações Sul-americanas (Unasul), liderados pelo chanceler chileno, Alejandro Foxley, inauguraram hoje em Santiago a primeira reunião sobre a formação do Conselho de Defesa da região.

EFE |

A iniciativa é uma proposta do Brasil que procura fomentar a troca militar, as experiências das missões de paz, exercícios militares, medidas de incentivo à confiança recíproca, além de ajudar de forma coordenada zonas afetadas por desastres naturais.

Segundo Foxley, o Chile apóia a iniciativa brasileira.

"Acreditamos que a proposta não deve afetar nossa firme opção pelo regionalismo aberto e deve ajudar de uma forma melhor a constituir uma instância crescente", comentou Foxley, que ressaltou que cada Estado tem o direito de identificar suas próprias prioridades nacionais de segurança.

Para ele, cada país deve definir as estratégias e ações frente a eventuais ameaças a sua segurança "conforme sua normativa jurídica e com o pleno respeito ao direito internacional e às normas e princípios da carta das Nações Unidas e da carta da Organização dos Estados Americanos (OEA)".

A Unasul é integrada por Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai e Venezuela.

As reuniões do Grupo de Trabalho terminarão nesta terça-feira na capital chilena. EFE mc/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG