Londres, 2 out (EFE).- O comissário-chefe da Scotland Yard, Ian Blair, criticado por sua gestão na morte por engano do brasileiro Jean Charles de Menezes, apresentou hoje sua renúncia, após meses sob pressão debido a seu questionado trabalho.

EFE ep/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.