Washington, 15 abr (EFE).- A família do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, teve renda de US$ 2,66 milhões no ano passado, conforme consta da declaração de impostos de 2008, que hoje foi divulgada pela Casa Branca.

"O presidente vendeu muitos livros no ano passado, sem dúvida", disse o porta-voz da Casa Branca, Robert Gibbs, antes de os dados oficiais serem divulgados.

Em 2007, o presidente, que lançou dois livros de não ficção, "Dreams from My Father: A Story of Race and Inheritance" (2004) e "A Audácia da Esperança: Reflexões sobre a Reconquista do Sonho Americano" (2006), teve renda de US$ 4,2 milhões, muito acima do que faturou em 2008, quando esteve imerso na campanha eleitoral.

A Casa Branca informou que os Obama tiveram no ano passado uma renda líquida de US$ 2.656.902, "a maior parte da venda de livros" e do salário que recebia como senador por Illinois.

Os Obama pagaram US$ 855.323 em impostos federais e US$ 77.883 em impostos estaduais em Illinois.

Em 2008, o presidente, que receberá um salário de US$ 400 mil neste ano, e a primeira-dama doaram a organizações beneficentes 6,5% do que receberam, ou seja, US$ 172.050.

A maior contribuição foram os US$ 25 mil dados à organização Catholic Relief Services e ao fundo United Negro College.

Já o vice-presidente, Joseph Biden, e sua esposa, Jill, tiveram renda bruta de US$ 269.256 e líquida de US$ 183.315 no ano passado.

A principal fonte de renda do ex-senador por Delaware foi justamente seu assento na Câmara Alta, assim como os direitos do audiobook "Promises to Keep". EFE pgp/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.