Tamanho do texto

O medicamento contra a obesidade Acomplia, do laboratório francês Saoni-Aventis, teve a venda proibida em 18 países da União Européia (UE) que o distribuíam, porque pode causar depressão e idéias suicidas.

A Agência Francesa de Segurança Sanitária havia chegado à conclusão de que o remédio pode acarretar perturbações depressivas, num estudo divulgado no mês de agosto.

O laboratório Sanofi-Aventis não descartou a suspensão mundial deste medicamento.

O Acomplia é comercializado em 32 países, 14 deles fora da União Européia.

fbe-dep/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.