Remake de Herzog e Cage não convence em Veneza

Veneza (Itália), 4 set (EFE).- O remake Bad Lieutenant: Port of call New Orleans dirigido pelo alemão Werner Herzog e apresentado hoje na competição oficial da Mostra de Veneza não agradou pelo convencionalismo e os excessos de Nicholas Cage no papel do policial perturbado e dependente de drogas.

EFE |

A primeira versão do filme foi rodada em 1992, por Abel Ferrara e famoso por Harvey Keitel, como protagonista.

"Não sei quem é nem vi nenhum de seus filmes", disse um Herzog, em um tom entre a ironia e a prepotência, mas acrescentou que em breve se reunirá com Ferrara "em volta de uma garrafa de uísque".

Herzog não precisará esperar para conhecer Ferrara, já que o cineasta faz parte do júri de curtas-metragens do festival.

Na comparação com a obra de Ferrara, a nova versão da história, embora bem rodada, é pobre no panorama cinematográfico e traz Cage com um excesso de tiques nervosos.

O protagonista sentiu que neste filme podiam adaptar o estilo de jazz que sugeria a rodagem em Nova Orleans. "Herzog nos permitiu abraçar o espírito de jazz da cidade", disse.

Cage elogiou Herzog pela liberdade de improvisação durante a rodagem, e Eva Mendes, que forma o casal de protagonistas.

Elogios que foram devolvidos por Eva, para surpresa de muitos a melhor atuação do filme como a namorada prostituta do policial.

"Eu gostei do papel de Frankie porque é uma sobrevivente", disse Eva, explicando que "dentro da escuridão do filme existe uma inocente história de amor".

Para completar o dia de hoje na competição oficial de Veneza, "Lei wangzi", do taiuanês Yonfan, será exibida uma divertida história de amores e traições com o cenário da época da lei marcial, do "terror branco" dos anos 50 em Taiwan.

Um filme rodado com sutileza, baseado nas lembranças de infância do diretor, no qual quis falar da "existência do ser humano", "daqueles que tinham ideias diferentes durante esse período", explicou Yonfan. EFE agf/dm/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG