Raúl Reyes era falso, diz rádio colombiana - Mundo - iG" /

Relógio Rolex de Raúl Reyes era falso, diz rádio colombiana

Bogotá, 10 abr (EFE) - O relógio Rolex utilizado por Raúl Reyes, porta-voz internacional das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) que foi morto em 1° de março deste ano, era uma imitação, indicaram hoje emissoras locais.

EFE |

Segundo a rádio colombiana "Caracol Radio", que citou fontes judiciais, o relógio que "Reyes" usava não era original.

A emissora indicou que "depois de análises técnicas realizadas por especialistas da Unidade de Lavagem de Ativos da Procuradoria", concluiu-se que o relógio "era uma simples cópia dos prestigiosos relógios suíços".

Porta-vozes da Procuradoria Geral da Colômbia disseram à Agência Efe que esse organismo não pode confirmar oficialmente a informação.

Veículos de comunicação locais chegaram a afirmar, na época, que o relógio poderia valer US$ 15 mil.

Por isso, foi aberta uma investigação para estabelecer a origem do Rolex e se havia sido comprado ou se era um presente, e decidir para que entidade do Estado seria entregue.

"Reyes" foi morto durante uma ação militar colombiana em território equatoriano, fato que gerou uma crise diplomática entre os dois países. EFE gta/mac/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG