Relações sexuais freqüentes protegem contra problemas de ereção

A maior freqüência nas relações sexuais protege os homens mais velhos contra problemas de ereção, revela um estudo finlandês publicado na edição de julho do American Journal of Medecine.

AFP |

O trabalho, realizado durante cinco anos com 989 homens com entre 55 e 75 anos na Finlândia, mostra que os homens que mantêm relações sexuais menos de uma vez por semana têm o dobro de risco de sofrer problemas de ereção do que os que fazem sexo uma vez por semana.

O estudo, dirigido por pesquisadores do departamento de urologia do hospital universitário de Tampere, na Finlândia, levou em conta outros fatores que podem provocar problemas de ereção, tais como diabetes, hipertensão e depressão.

Os problemas de ereção afetam 79 a cada mil homens que não fazem sexo ao menos uma vez por semana. A mesma taxa cai a 32 para mil quando se pratica sexo uma vez por semana, e a 16 para mil entre os que mantêm relações sexuais por três vezes os mais.

"Manter relações sexuais regularmente tem um papel importante na proteção dos problemas de ereção entre os homens mais velhos", conclui Juha Koshimäki, um dos autores do estudo, que encoraja seus pacientes a fazer mais sexo.

vmt/LR/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG