O governo britânico aumentou nesta sexta-feira o nível de alerta em relação ao terrorismo internacional. O nível passou de significativo para grave, o que, segundo a escala vigente, significa que um ataque é altamente provável.


Apesar dessa qualificação, a segunda mais alta na escala oficial, o ministro do Interior, Alan Johnson, ressaltou que atualmente não há nenhum indício de que possa haver um atentado de forma iminente.

O ministro disse que o centro responsável pela informação está constantemente revisando o nível de alerta e "emite seus juízos baseando-se em um amplo leque de fatores, incluindo a intencionalidade e capacidade de grupos terroristas no Reino Unido e no estrangeiro".

A mudança de nível, que não era alterado desde julho de 2009, só significa que as pessoas "devem ficar mais alertas" e informar às autoridades sobre qualquer atividade suspeita.

O ministro disse que a decisão de elevar o alerta não está relacionada com nenhum incidente concreto, como o atentado fracassado do Natal passado contra um avião americano perpetrado por um nigeriano com ligações com o Iêmen.

A escala de alerta terrorista na Grã-Bretanha tem cinco níveis, de baixo a crítico. Este último significa que um ataque é iminente.

Leia mais sobre terrorismo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.