Reino Unido cria maior reserva marinha do mundo no Oceano Índico

A Grã-Bretanha autorizou nesta quinta-feira a criação da maior reserva natural marinha do mundo ao redor das ilhas Chagos, no oceano Índico, uma iniciativa que desagrada os habitantes que foram expulsos do arquipélago nos anos 1960.

AFP |

Esta reserva natural protegerá uma região que os ecologistas comparam com a Grande Barreira de Corais da Austrália, devido a sua vida marinha e a sua população de atuns amarelos, tartarugas e caranguejos.

Incluirá uma zona proibida para a pesca com fins comerciais, afirmou o ministro das Relações Exteriores, David Miliband, em um comunicado.

A Área Marinha Protegida (MPA, em inglês) terá uma extensão de 400 mil km2 "e sua criação duplicará a superfície global dos oceanos protegidos no mundo", explicou Miliband.

Entre 1965 e 1972, cerca de 2 mil habitantes tiveram que abandonar as Chagos, um território britânico do oceano Índico, após um acordo anglo-americano para transformar a ilha principal, Diego García (27 km2), em uma base militar dos Estados Unidos.

A ilha é habitada atualmente por 1.700 soldados americanos, 1.500 funcionários civis e cerca de 50 britânicos.

Leia mais sobre: Reservas Ambientais

    Leia tudo sobre: preservação

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG