Amã, 5 nov (EFE).- O rei Abdullah II da Jordânia felicitou hoje o recém eleito presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, e expressou seu desejo de cooperar com o novo Governo americano para impulsionar o processo de paz entre Israel e palestinos.

Segundo um comunicado, a Jordânia quer "cooperar com os EUA para restabelecer a paz e a estabilidade no Oriente Médio, e para resolver o conflito palestino-israelense com a aplicação da fórmula de dois Estados, que garanta os direitos de todas as partes envolvidas".

Fora isso, o monarca expressou no texto oficial seu desejo de que as relações entre Jordânia e EUA se fortaleçam.

A Jordânia é um dos principais aliados dos EUA no Oriente Médio, por seu caráter moderado e conciliador, e por seu papel destacado no processo de paz regional.

O rei Abdullah II da Jordânia, no poder desde 1999, é um dos governantes árabes mais pró-ocidentais e mantém relações excelentes com os EUA. EFE ajm/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.