Reforma da saúde dos EUA será aprovada, diz conselheiro de Obama

WASHINGTON - Um alto conselheiro da Casa Branca disse neste domingo que o presidente Barack Obama conseguirá os votos necessários para aprovar uma ampla reforma no sistema de saúde dos Estados Unidos. Creio que teremos votos para a aprovação, disse David Axelrod, conselheiro sênior de Obama, ao programa State of the Union, da CNN, em entrevista gravada.

Reuters |

Obama adiou uma viagem para fora dos Estados Unidos , a primeira do ano, para se concentrar na etapa final para aprovação da nova legislação do sistema de saúde na Câmara a ser votada na próxima semana.

O comitê orçamentário se reunirá na segunda-feira para tomar as primeiras medidas para a aprovação da reforma, prioridade legislativa de Obama, com os votos finais previstos para o fim da semana.

Obama tem pressionado para uma rápida votação na reforma da saúde, que ganhou destaque político com a oposição republicana e consumiu o Congresso pelos últimos nove meses.

Os democratas esperam terminar a legislação para ampliar a cobertura a mais de 20 milhões dos 46 milhões de americanos não segurados e regular as práticas da indústria dos seguros antes de sair para um recesso de duas semanas em 26 de março.

Leia mais sobre EUA

    Leia tudo sobre: eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG